A Importância do Remolho das Leguminosas

Você já ouviu falar sobre a importância de colocar as leguminosas de remolho? As leguminosas são todos os grãos contidos em vagens, como por exemplo o feijão, lentilha, soja, ervilha, grão-de-bico entre outros. Muitas pessoas nunca ouviram falar, e outras nem mesmo tem o hábito de deixar as leguminosas de remolho.

No entanto, saibam que o remolho das leguminosas pode melhorar tanto o valor nutricional do grão quanto a maciez na hora de comer. Isso porque as leguminosas apresentam fatores que podem interferir na absorção de nutrientes, são os chamados fatores anti-nutricionais. Em outras palavras, essas substâncias não deixam que alguns minerais sejam absorvidos pelo nosso corpo, como por exemplo, os fitatos e polifenóis que reduzem a absorção de zinco, magnésio e ferro. 

O remolho é uma técnica utilizada antes do cozimento das leguminosas. O alimento é deixado de molho na água antes do preparo. Este processo possibilita a redução dos fatores anti-nutricionais e também melhora a maciez do grão, reduzindo o tempo de cozimento, além de realçar o sabor!

Como funciona o remolho das leguminosas?

Para fazer o remolho, coloque a leguminosa numa peneira e lave sob água corrente. Transfira os grãos para uma tigela e cubra com a água. Cubra a tigela com um prato e deixe descansar por 8 a 12 horas. A água deve ser trocada pelo menos uma vez! Você vai reparar que a água do remolho ficará esbranquiçada e com espumas brancas, esses são justamente os tais fatores anti-nutricionais que estão sendo removidos! Por fim, enxague bem e leve para cozinhar!

Deixe um Comentário