Teste do Sal Rosa do Himalaia
Dicas Nutricionais

Como fazer o teste do sal rosa do himalaia

Circulam nas redes sociais, blogs e YouTube muitas informações tecnicamente incorretas sobre testes de alimentos. Um desses testes é sobre o Sal Rosa, oriundo da região do Himalaia, na Ásia.

Tipicamente importado do Paquistão, o Sal Rosa possui coloração que varia do rosa claro ao rosa escuro devido à elevada presença de minerais. Ele é fonte de cálcio, magnésio, potássio, cobre e ferro, etc. No total, o Sal Rosa do Himalaia contém 84 minerais diferentes em sua composição!

E o que acontece com o Sal Rosa do Himalaia legítimo quando misturado na água? Vamos ver?

  • Coloque 1 colher de sopa de Sal Rosa do Himalaia numa vasilha de vidro transparente
  • Acrescente 250ml de água e mexa bem. A mistura deverá adquirir uma tonalidade rosa clara. Neste momento todos os minerais que conferem coloração ao Sal Rosa do Himalaia estão misturados à água
  • Deixe a mistura descansar, esse processo é chamado de decantação. Repare que logo após a mistura, parte dos minerais vão se depositar no fundo do recipiente, e a tonalidade da água já ficará mais transparente. Isso ocorre pois os minerais não são solúveis na água.
  • Se você deixar a mistura descansar por mais algumas horas vai perceber que o processo de decantação continua ocorrendo, e os oligoelementos mais leves vão se depositando no fundo do recipiente também!
  • Neste momento, se você olhar pela lateral, vai perceber que a solução aquosa está transparente!

Preciso fazer o teste acima com o meu Sal Rosa do Himalaia?

Não é necessário fazer o teste uma vez que na loja virtual da Zona Cerealista Online www.zonacerealista.com.br disponibilizamos o laudo técnico do exportador para nossos clientes cadastrados consultarem. Lá é possível checar o país de origem (geralmente os produtos são extraídos do Paquistão) e os ensaios laboratoriais que medem a quantidade de alguns minerais.

Mas existe Sal Rosa do Himalaia adulterado no mercado?

Aparentemente sim, no entanto, é uma prática em desuso, uma vez que o preço do Sal Rosa do Himalaia no mercado internacional é bastante barato, ou seja, a adulteração não faz nenhum sentido econômico.

Onde posso obter mais informações?

Nesta reportagem exibida na TV Globo os pesquisadores explicam o comportamento esperado do Sal do Himalaia ao ser dissolvido na água.

É muito importante pesquisar informações em grandes veículos de imprensa ou aqui no nosso blog para evitar as fake news que circulam na internet.

Agora que você já está craque sobre o tema Sal Rosa do Himalaia, qual vai ser a sua próxima preparação na cozinha? 🙂

Até a próxima!

Equipe Zona Cerealista Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *